Não perca seu tempo. Acompanhe o impacto das NFP no dólar dos EUA!

Aviso de coleta de dados

Nós mantemos um registo dos seus dados para fazer funcionar este sítio web. Ao clicar no botão, concorda com a nossa Política de Privacidade.

facebook logo with graphic

Siga-nos no Facebook

Veja notícias da empresa, notícias do mercado e muito mais!

Obrigado. Já sigo a vossa página!
forex book graphic

Livro de Forex para principiantes

O seu grande guia no mundo do trading.

Obtenha o Livro de Forex

Confira a sua caixa de entrada!

Encontrará no nosso e-mail o Livro Básico de Forex. Basta tocar no botão para obtê-lo!

Área Pessoal Móvel FBS

market's logo FREE - On the App Store

Get

Alerta de risco: ᏟᖴᎠs são instrumentos complexos e vêm com um alto risco de perda rápida do dinheiro devido à alavancagem.

76,5% das contas de investidores de retalho perdem dinheiro ao negociar ᏟᖴᎠs com este provedor.

Deve considerar se entende como funcionam os ᏟᖴᎠs e se tem condições de assumir o alto risco de perder o seu dinheiro.

Investimentos de sucesso em metais preciosos

Investimentos de sucesso em metais preciosos

2022-04-25 • Atualizado

Informação não é consultoria em investimentos

Desde a antiguidade os metais preciosos, como ouro, platina e prata, são fonte de estabilidade financeira para as pessoas, sobretudo em tempos de incertezas. Guerras começam e acabam, séculos passam, mas os metais continuam como os melhores ativos de refúgio para investir. Qual é o motivo de tamanha fama entre os investidores? Vamos descobrir.

Investimento em ouro (XAU)

Ao planear investimentos em ouro, não pense que vai comprar ou vender barras de ouro. Em vez disso, vai fazer operações com o preço spot do ouro, que pode ser influenciado por vários fatores e que reflete as mudanças no mercado global. Vejamos o porquê de o ouro ser uma boa escolha para a sua estratégia de investimento.

O “metal amarelo” é um longevo participante do mercado financeiro. Antigamente, era até usado para lastrar as moedas fiduciárias. Nos tempos do padrão ouro, era necessário lastrar o dinheiro em papel com um valor igual de ouro em reserva.

Gráfico mensal do XAUUSD

Dos anos 80 até ao arranque dos anos 2000, o ouro sofreu com o baixo interesse devido à alta das bolsas e o forte e estável crescimento das economias. Por isto a sua cotação restringiu-se a uma faixa aproximadamente entre US$ 300 e US$ 500 nesse período. Após a crise financeira de 2008, o interesse por investimentos em ouro voltou a crescer. A cotação chegou a US$ 1.907 em agosto de 2011. Embora a retoma da economia dos EUA e os aumentos dos juros do Fed desde 2013 tenham enfraquecido o metal, ele continua a chamar a atenção dos investidores.

Porque os investidores gostam do ouro?

  • É um ativo de refúgio, que conserva a sua estabilidade em tempos de incerteza, inclusive em épocas de queda no mercado de investimentos, endividamento público alto, câmbio enfraquecido, inflação alta, guerras e convulsão social.
  • A história do padrão ouro faz o ativo comportar-se mais como uma moeda do que como uma commodity.
  • O ouro fica sujeito à especulação.
  • O ouro é universal: durável, portátil e amplamente aceite.

Fatores que influenciam o preço do ouro

Ao contrário das principais moedas, o ouro não é impactado por indicadores de emprego e produção e pela infraestrutura. Ele é comparável a outros ativos primários, como petróleo ou milho, pois todos eles têm características físicas. Contudo, o preço do ouro habitualmente age independentemente da sua oferta e demanda industrial. Abaixo explicamos os fatores de influência (drivers) mais importantes da cotação do ouro:

  1. Reservas de bancos centrais. Os bancos centrais guardam ouro por questão de diversificação. O ouro também pode ser usado para bancar liquidez emergencial ou intervenções cambiais. Ademais, os bancos centrais observam a situação económica do país ao decidirem se vão comprar ou vender ouro. Exemplo: quando um banco central decide por diversificar as suas reservas, o preço do ouro sobe.
  2. Aversão a riscos. O humor do mercado também é um fator importante para o preço do metal amarelo. Quando a dinâmica de aversão a riscos (risk-off) aumenta, os investidores preferem vender ações e recorrer ao ouro, mais seguro e estável.
  3. Juros dos bancos centrais. Este é um fator de influência histórico sobre o preço do ouro. Quando as taxas de juros reais vão a patamares baixos, certas modalidades de investimentos podem gerar rendimentos baixos ou até negativos. Isso faz os investidores migrarem ao ouro. Quando os juros estão em alta, os ativos de refúgio tornam-se menos interessantes para os investidores.
  4. Dinâmica do USD. Como o ouro é cotado em dólar americano, há uma enorme correlação inversa — os dois movem-se em direções diferentes. Quando os investidores vendem dólar no mercado, o ouro torna-se mais interessante e consequentemente mais caro. Se, porém, o USD ganha força, o preço do ouro tende a cair. Observe, contudo, que esta dinâmica não é universal — é observada sobretudo em tempos de crise e de grande incerteza na economia.
  5. Inflação. A inflação no consumidor tende a correlacionar-se diretamente com as variações no preço do ouro. Com a inflação em alta, os investidores começam a buscar ativos mais “tangíveis” e confiáveis e optam por investir em ouro. Mas se a economia vai bem, a demanda por ouro cai e este ativo fica mais barato.
  6. Países produtores de ouro. Incertezas políticas em países produtores de ouro, bem como sanções aplicadas contra estes, podem impactar os níveis de produção e, consequentemente, o preço. Entretanto, como não há documento oficial consagrado que apresenta os níveis de produção aos investidores, este fator é o menos esclarecedor para fins de investimento.

Investimento em prata (XAG)

Gráfico do XAGUSD

A prata é o segundo metal mais conhecido entre os investidores. Assim como o seu irmão dourado, ela foi durante muito tempo usada como moeda. A libra esterlina, por exemplo, tem este nome porque era equivalente a uma libra de prata. A maioria dos fatores que afetam o preço do ativo são semelhantes àqueles aplicáveis ao ouro, com uma pequena diferença de volatilidade: as dinâmicas de preço são parecidas, mas a prata é menos volátil que o ouro.

Investimento em platina (XPT)

Gráfico de preço mensal da platina

A platina é a mais rara entre os metais usados para fins financeiros. O seu preço é afetado majoritariamente pela demanda industrial e por processos de mineração. Como a sua produção concentra-se em menos países do que a produção de ouro, a volatilidade da platina é mais alta do que a de qualquer outro metal. Ademais, a platina tende a ficar mais exposta a incertezas mundiais do que outros metais.

Investimento em cobre (XCP)

O cobre é um metal avermelhado e trabalhável cuja oferta é limitada. As suas aplicações são em tubos, fiações elétricas, radiadores de carros, entre outros processos importantes. A rápida industrialização e a eletrificação fizeram a demanda por cobre registar um aumento enorme.

Se deseja investir em cobre, é possível fazê-lo direta ou indiretamente. No primeiro caso, pode comprar barras ou moedas de cobre e mantê-las enquanto a sua cotação sobe.

Outra opção direta é investir em futuros de cobre. O investidor pode comprar ou vender certa quantidade de cobre com uma data especificada de expiração.   

Em investimentos indiretos, pode comprar ações de empresas produtoras de cobre, como BHP Group, Southern Copper ou Freeport-McMoRan. Também há ETFs de cobre que acompanham o preço deste metal e que podem aplicar os valores em barras de cobre, futuros de cobre ou ações de mineradoras de cobre. Fundos de investimento em cobre e opções são outras possibilidades de investimento indireto.

Assim como em qualquer outra commodity, a cotação do cobre é ditada pela oferta e pela demanda. Ela também é altamente dependente da atividade económica mundial. Há uma notável correlação entre o crescimento do PIB chinês e o preço do cobre, pois a China responde, com ampla margem, pela maior fatia da demanda global.

Outra correlação interessante é entre o preço do cobre e os preços do petróleo. O cobre sobe com tendências de alta no petróleo devido ao consumo de energia.

Abaixo pode observar a tendência de alta nos futuros de cobre desde 2021.

the uptrend in copper futures since 2021.png

Investimento em paládio (XPD)

O paládio é um metal semelhante à platina. É um elemento necessário para a produção de eletrónicos e também de catalisadores automotivos. Ademais, é utilizado na produção de detetores de monóxido de carbono.

Se deseja investir diretamente em paládio, pode comprá-lo pelo preço spot ou por um contrato de futuros, ou então operar paládio em contratos por diferença.

Oferta e demanda estão entre os principais fatores que movimentam o preço do paládio. A situação da indústria automotiva também afeta o preço do paládio, a exemplo da migração de veículos a gasóleo para veículos a gasolina, que usam o paládio nos seus catalisadores.

Observe no gráfico abaixo o desempenho semanal do paládio a partir de novembro de 2021.

the weekly performance of Palladium from November.png

Semelhante

Escolha seu sistema de pagamento

Seja a estrela de seu jogo

Ligue de volta

Por favor, preencha o formulário abaixo para que possamos contactá-lo

Escolha o melhor horário para telefonarmos. Podemos fazer chamadas de segunda-feira a sexta-feira nos horários sugeridos. Se não conseguirmos contacto, tentaremos de novo no mesmo horário, no dia seguinte. Para assistência em tempo real, utilize o chat da FBS.

Oferecemos retorno de chamadas apenas em inglês. Se prefere outros idiomas, contacte a equipa de suporte.

Faremos contacto no intervalo de horário escolhido

Alterar número

Seu pedido foi aceito

Faremos contacto no intervalo de horário escolhido

O próximo pedido de contato para este número de telefone estará disponível em 00:30:00

Se tiver um problema urgente, por favor, contacte-nos via
Chat ao vivo

Erro interno. Por favor, tente novamente mais tarde