Não perca seu tempo. Acompanhe o impacto das NFP no dólar dos EUA!

Aviso de coleta de dados

Nós mantemos um registo dos seus dados para fazer funcionar este sítio web. Ao clicar no botão, concorda com a nossa Política de Privacidade.

facebook logo with graphic

Siga-nos no Facebook

Veja notícias da empresa, notícias do mercado e muito mais!

Obrigado. Já sigo a vossa página!
forex book graphic

Livro de Forex para principiantes

O seu grande guia no mundo do trading.

Obtenha o Livro de Forex

Confira a sua caixa de entrada!

Encontrará no nosso e-mail o Livro Básico de Forex. Basta tocar no botão para obtê-lo!

Área Pessoal Móvel FBS

market's logo FREE - On the App Store

Get

Alerta de risco: ᏟᖴᎠs são instrumentos complexos e vêm com um alto risco de perda rápida do dinheiro devido à alavancagem.

69,21% das contas de investidores de retalho perdem dinheiro ao negociar ᏟᖴᎠs com este provedor.

Deve considerar se entende como funcionam os ᏟᖴᎠs e se tem condições de assumir o alto risco de perder o seu dinheiro.

2023-05-18 • Atualizado

Os 8 indicadores mais comuns para a especulação a curto prazo

cover.jpg

Há tantos fatores que afetam os mercados financeiros que muitas vezes é impossível prever corretamente o movimento dos preços. Muitos corretores perdem dinheiro que lhes custou a ganhar devido às oscilações inesperadas dos preços. Alguns mudam para prazos menores e recorrem à especulação a muito curto prazo para reduzir o risco de exposição a flutuações de preços significativas.

Neste artigo, vai ficar a saber o que é a especulação a muito curto prazo ou "scalping", os indicadores utilizados e como aplicá-los numa estratégia de scalping.

O que é a especulação a muito curto prazo?

O scalping é uma estratégia de day trading de curtíssimo prazo que consiste em fazer lucro com minúsculas alterações nos preços. Os operadores que utilizam esta estratégia são designados especuladores no curto prazo ou "scalpers" e o seu principal objetivo é ganhar dinheiro através de um grande número de pequenas operações lucrativas, em vez de depender de outras maiores e com prazos mais longos. Cada negociação dura entre alguns segundos e uma hora, e o número de operações que o especulador faz num dia pode variar entre 10 e algumas centenas, dependendo se opera manualmente ou se usa algum software de negociação algorítmica.

O principal fator que atrai os corretores para esta estratégia é que, com ela, é muito mais fácil captar e lucrar com os pequenos movimentos de preços do que com os maiores. As pequenas mudanças de preços ocorrem com mais frequência e, como cada posição dura apenas um curto período, há um risco significativamente menor de encontrar acontecimentos adversos que possam levar a movimentos de preços indesejáveis.

Como funciona a especulação a muito curto prazo?

Mesmo que a especulação a muito curto prazo seja considerada menos arriscada do que estratégias de negociação mais duradouras, só funciona bem se o corretor tiver um plano de negociação sólido e uma disciplina rigorosa, por isso é mais adequada para negociadores experientes.

Antes de entrar numa negociação, os especuladores a curto prazo devem determinar um ponto de entrada, um objetivo em termos de lucros e um nível de lucro e prejuízo. Depois, é crucial obedecer ao plano. Se o preço atingir o lucro-alvo, os especuladores a curto prazo saem da negociação, mesmo que haja a possibilidade de o preço subir ainda mais. Da mesma forma, se o preço atingir o nível de lucro e prejuízo, saem da transação sem esperar que o preço recupere. Isso reduz o risco de exposição a movimentos inesperados e indesejáveis do mercado e torna a especulação a muito curto prazo menos arriscada do que outras estratégias de negociação.

Para planear uma negociação bem-sucedida, os especuladores têm de compreender para onde o mercado se irá movimentar a seguir, por isso, utilizam inúmeros indicadores de análise técnica, estudam gráficos de preços de curto prazo (1–5 minutos), interpretam a psicologia dos corretores e quais poderão ser os seus próximos movimentos, dependendo das condições atuais de mercado.

Vantagens e desvantagens da especulação a muito curto prazo

Assim como qualquer outro estilo de negociação, a especulação a muito curto prazo tem uma lista de vantagens e desvantagens que a tornam atrativa ou que a impedem de ser adotada.

As vantagens da especulação a muito curto prazo incluem:

  • Risco mais baixo. Os especuladores a curto prazo lucram com pequenos movimentos de preços que ocorrem num horizonte temporal mínimo. Mesmo que o preço seja desfavorável ao corretor, não tem tempo suficiente para se mover para fora do nível de lucro e prejuízo predeterminado, colocando um limite em quaisquer perdas que o corretor possa sofrer.
  • Potencial de rentabilidade. Se os especuladores seguirem os seus planos de negociação detalhados e operarem um grande volume de um ativo de uma só vez, podem lucrar bastante no fecho do dia.
  • Não é preciso seguir os princípios fundamentais. A negociação segundo os princípios fundamentais inclui acompanhar notícias, eventos e relatórios de estatísticas económicas que afetam o valor de um ativo, para determinar o melhor momento para comprar ou vender. No entanto, visto que os especuladores lucram com pequenas flutuações de preços, não têm de seguir os fundamentos, já que estes não afetam prazos curtos.
  • Funciona em ambos os sentidos. Com o scalping, é possível negociar em bolsas em alta e em baixa, logo os especuladores a curto prazo têm mais oportunidades de lucrar com as mudanças de preços.
  • Pode ser automatizada. A especulação a muito curto prazo exige precisão e "timing", visto que até mesmo um atraso de um segundo pode afetar o destino da transação. Felizmente, é possível usar softwares de negociação algorítmica para enviar ordens assim que o preço atinge um dos objetivos, tirando o máximo proveito de cada posição.

Dito isto, existem certas desvantagens que os corretores devem ter em consideração antes de decidir integrar esta estratégia na sua negociação.

  • Requer muita experiência e tempo. Embora a especulação a muito curto prazo possa parecer fácil, é uma estratégia de negociação avançada que requer uma boa compreensão do mercado e de como se movimenta. Um principiante pode achar difícil aderir a um plano de negociação rigoroso e acompanhar várias posições durante horas, todos os dias. Os corretores experientes, por outro lado, são mais disciplinados, têm mais experiência e recursos para acompanhar os movimentos de um mercado em constante evolução.
  • Custos de transação. Tal como outros operadores, os especuladores têm de pagar uma comissão ou um spread por cada operação que executam. Considerando que abrem muito mais posições do que os outros corretores, os custos podem acumular-se e consumir os lucros obtidos.
  • Falhas técnicas. Como já mencionamos, um atraso de até mesmo um segundo pode afetar o resultado de uma operação. No entanto, nem todos os atrasos são culpa dos operadores. Uma má ligação de internet, problemas na plataforma, etc., podem causar deslizamentos e atrasos na execução, transformando uma transação promissora num fracasso. Isto pode ser mitigado com softwares de negociação algorítmica e VPS, mas os corretores sem acesso a estas ferramentas devem ser cautelosos sobre a especulação a muito curto prazo.

Os oito indicadores mais utilizados na especulação a muito curto prazo

Embora os especuladores a curto prazo não tenham de saber a direção da tendência do mercado a longo prazo, têm de compreender para onde é mais provável que o preço se movimente para tomar decisões informadas. E é aí que os indicadores de análise técnica se tornam bastante úteis, pois os especuladores a curto prazo podem utilizá-los para prever os movimentos dos preços. Vejamos agora os oito indicadores mais utilizados na especulação a muito curto prazo.

1. Indicador de MMS

O indicador da média móvel simples, ou MMS, é uma das ferramentas básicas utilizadas pelos operadores de especulação a muito curto prazo para identificar a tendência e elaborar uma estratégia de negociação. Fornece informações sobre o preço médio de um determinado ativo somando um intervalo de preços de fecho e dividindo depois essa soma pelo número de períodos dentro do intervalo. Isto ajuda os corretores de especulação a muito curto prazo a compreender se o preço de um ativo está a subir ou a descer e se a tendência atual pode inverter-se.

1.png

2. Média móvel exponencial (MME)

A MME é outro indicador que utiliza médias móveis. Tal como o indicador de MMS, analisa o preço de um ativo. No entanto, o indicador de MME concentra-se no preço mais recente e pode fornecer aos especuladores informações mais pormenorizadas. Os corretores de especulação a muito curto prazo utilizam a MME para determinar a tendência atual e identificar potenciais pontos de entrada. Se o preço cruzar acima ou abaixo da MME, isso pode indicar potenciais oportunidades de compra ou de venda.

2.png

3. Indicador de MCD

O próximo indicador da lista é a média móvel convergente e divergente (MCD). Trata-se de um indicador de acompanhamento de tendências que apresenta a relação entre duas médias móveis. O movimento subsequente de duas linhas, quando se sobrepõem, convergem ou divergem uma da outra, indica o momentum atual, dando aos corretores sinais de compra ou de venda. Os especuladores utilizam este indicador para encontrar possíveis pontos de entrada ou de saída e identificar alterações na tendência.

3.png

4. SAR parabólico

O SAR Parabólico (stop and reverse parabolic) é um indicador frequentemente usado pelos corretores para obter informações completas sobre as tendências da movimentação dos preços. O SAR parabólico surge nos gráficos como uma série de pontos acima ou abaixo do preço. Se os pontos estiverem abaixo do preço, o preço está a subir, e vice-versa. Quando os pontos mudam de posição, os corretores devem estar atentos a uma possível inversão da tendência. Este indicador é particularmente útil para os especuladores a muito curto prazo, pois pode determinar a dinâmica a curto prazo da movimentação dos preços.

4.png

5. Oscilador estocástico

O próximo indicador de análise técnica utilizado pelos especuladores é o oscilador estocástico. É um indicador de momentum que compara o preço de fecho de um ativo com a variação dos seus preços ao longo de um período específico. Em resultado, consegue identificar as condições de sobrecompra ou sobrevenda no mercado, podendo sinalizar uma potencial inversão da tendência.

5.png

6. Preço médio ponderado pelo volume (VWAP)

O preço médio ponderado pelo volume (VWAP) é uma ferramenta de análise técnica que auxilia os operadores a determinar a liquidez de um ativo e a identificar os níveis de suporte e resistência. O VWAP é utilizado para calcular o preço médio de um ativo com base no volume de compra ao longo de um determinado período. Este indicador funciona melhor para operações de curto prazo, por isso é utilizado principalmente na especulação a muito curto prazo e noutras estratégias intradiárias.

É melhor seguir estratégias de negociação relacionadas com volumes mediante serviços que fornecem dados agregados sobre volumes. Assim, a figura a seguir mostra o indicador VWAP no site Trading View.

6.png

7. Bandas de Bollinger

As bandas de Bollinger são um indicador de scalping que consiste em três linhas: uma média móvel (a linha do meio) e dois desvios-padrão (as barras superiores e inferiores). Este indicador pode ajudar os operadores a determinar os níveis de sobrecompra e sobrevenda e também a identificar tendências e potenciais inversões, mas é principalmente utilizado para encontrar pontos de entrada e medir a volatilidade. Quando o preço atinge a banda superior ou inferior, pode ser sinal de uma potencial inversão ou da continuação da tendência.

7.png

8. Índice da força relativa (RSI)

O índice da força relativa (RSI) é um indicador oscilador que determina a força da movimentação dos preços, medindo as variações de preços e a velocidade a que ocorrem. Os operadores de especulação a muito curto prazo utilizam este indicador para identificar potenciais níveis de sobrecompra e sobrevenda, o que pode indicar uma possível inversão da tendência.

8.png

Melhores estratégias de negociação para especulação a muito curto prazo

Para dominar a especulação a curto prazo, tem de desenvolver uma estratégia de negociação fiável que ajudará a ter o máximo lucro em todas as suas operações. Aqui estão três estratégias de negociação de scalping, usadas por especuladores em todo o mundo:

Estratégia de faixas de média móvel

Esta estratégia de especulação a muito curto prazo consiste em utilizar várias MME com períodos de tempo diferentes. Por exemplo, de um modo geral, os corretores de scalping usam a MME 10, MME 20, MME 50 e a MME 100. As MME são depois traçadas em paralelo no gráfico semelhantes a uma faixa (“ribbon”). Esta faixa pode ser utilizada para identificar a direção e o momentum da tendência. Uma faixa "suave" indica uma tendência forte, o que significa que os especuladores podem abrir uma posição de compra ou de venda.

A limitação de perdas deve ser colocada logo abaixo do último mínimo de oscilação (para uma operação de compra) ou acima do anterior máximo de oscilação (para uma operação de venda). Quando o preço atinge a MME 200 novamente, está na altura de fechar a posição e realizar os lucros.

9.png

Estratégia das bandas de Bollinger

Esta estratégia implica usar o indicador de bandas de Bollinger. Como já sabemos, o indicador é composto por três linhas: dois desvios-padrão e uma MMS entre eles. Se o preço cruzar uma das bandas externas, isso é sinal de que se poderá seguir uma potencial inversão ou uma continuação da tendência.

A limitação de perdas deve ser colocada logo abaixo do último mínimo de oscilação (para uma operação de compra) ou acima do anterior máximo de oscilação (para uma operação de venda). Os especuladores podem entrar numa posição assim que o preço cruzar uma das bandas externas e sair quando este voltar à MMS.

10.png

Estratégia de MCD com MME

Nesta estratégia, os especuladores utilizam os indicadores de MCD e de MMS (por exemplo, MME 200) para determinar a direção e o momentum da tendência. Se a linha da MCD subir acima do nível zero enquanto a MME estiver abaixo do preço, isso pode ser um sinal de compra. Em contrapartida, se a linha MCD cair abaixo do nível zero com a MME acima do preço, os corretores devem preparar-se para abrir uma posição de venda. Quando a MCD se desloca abaixo da linha de sinal, está na altura de sair da posição.

11.png

Conclusão

A especulação a muito curto prazo exige imensa paciência, disciplina e tempo por parte do corretor. Se pretende começar a negociar nesta modalidade, deve ser capaz de tomar decisões rápidas e saber gerir vários indicadores. Com a estratégia e a mentalidade certas, pode tornar-se um especulador a muito curto prazo de sucesso e obter lucros significativos com os ativos mais líquidos.

Este material tem fins meramente informativos e não contém, nem deve ser interpretado como contendo, conselhos de investimento, sugestões ou recomendações em matéria de negociação.

  • 548

Ligue de volta

Por favor, preencha o formulário abaixo para que possamos contactá-lo

Escolha o melhor horário para telefonarmos. Podemos fazer chamadas de segunda-feira a sexta-feira nos horários sugeridos. Se não conseguirmos contacto, tentaremos de novo no mesmo horário, no dia seguinte. Para assistência em tempo real, utilize o chat da FBS.

Oferecemos retorno de chamadas apenas em inglês. Se prefere outros idiomas, contacte a equipa de suporte.

Faremos contacto no intervalo de horário escolhido

Alterar número

Seu pedido foi aceito

Faremos contacto no intervalo de horário escolhido

O próximo pedido de contato para este número de telefone estará disponível em 00:30:00

Se tiver um problema urgente, por favor, contacte-nos via
Chat ao vivo

Erro interno. Por favor, tente novamente mais tarde