Não perca seu tempo. Acompanhe o impacto das NFP no dólar dos EUA!

Aviso de coleta de dados

Nós mantemos um registo dos seus dados para fazer funcionar este sítio web. Ao clicar no botão, concorda com a nossa Política de Privacidade.

facebook logo with graphic

Siga-nos no Facebook

Veja notícias da empresa, notícias do mercado e muito mais!

Obrigado. Já sigo a vossa página!
forex book graphic

Livro de Forex para principiantes

O seu grande guia no mundo do trading.

Obtenha o Livro de Forex

Confira a sua caixa de entrada!

Encontrará no nosso e-mail o Livro Básico de Forex. Basta tocar no botão para obtê-lo!

Área Pessoal Móvel FBS

market's logo FREE - On the App Store

Get

Alerta de risco: ᏟᖴᎠs são instrumentos complexos e vêm com um alto risco de perda rápida do dinheiro devido à alavancagem.

76,5% das contas de investidores de retalho perdem dinheiro ao negociar ᏟᖴᎠs com este provedor.

Deve considerar se entende como funcionam os ᏟᖴᎠs e se tem condições de assumir o alto risco de perder o seu dinheiro.

Como será 2021 para a economia da UE?

Como será 2021 para a economia da UE?

Informação não é consultoria em investimentos

Não resta dúvida de que a economia da UE, arrasada pela pandemia, vai se recuperar neste ano. Isso, porém, deve acontecer em um ritmo mais lento que o esperado. Apesar das entregas das primeiras vacinas contra a covid-19, o cenário econômico para 2021 segue incerto. De acordo com a OCDE, a economia europeia recuou 7,2% em 2020, a maior retração desde a Segunda Guerra Mundial. Trata-se também de um impacto notavelmente pior que o tumulto que atingiu a UE em 2008 e 2009, considerados os piores anos da crise da zona do euro. Isso se deve aos meses de lockdown e distanciamento social impostos pelas autoridades para conter a propagação da covid-19.

Previsão do FMI: más notícias para a UE

Como você pode ver na imagem abaixo, o FMI prevê que a Europa vai crescer 4,2% em 2021, projetando a maior parte desse crescimento para o segundo semestre do ano, momento no qual muitas pessoas já terão recebido a vacina da covid-19 e as restrições de viagens e distanciamento social já terão sido flexibilizadas.

Aliás, com a sombra de um segundo tombo na recessão europeia, o FMI rebaixou de 5,2% para 4,2% sua projeção para a zona do euro, graças à alta nos casos da doença, às novas variantes do vírus, ao prolongamento do lockdown e, acima de tudo, aos atrasos na entrega das vacinas. Vale notar que os conflitos entre a UE e a AstraZeneca ainda não foram solucionados. 

Por outro lado, o FMI revisou para cima suas estimativas para os EUA (5,1% agora, contra 3,1% em outubro de 2020) e para o Japão (3,1% agora, contra 2,3% antes).

De acordo com o HSBC, “a China já recuperou e superou os níveis pré-pandemia e, conforme nossas projeções, os EUA farão o mesmo até o fim de 2021. Para a zona do euro, isso acontecerá somente no fim de 2022.

A presidente do BCE, Christine Lagarde, fez previsões sombrias para o primeiro trimestre de 2021. Ela disse que o recuo do quatro trimestre de 2020 “se estenderá” para o primeiro trimestre de 2021. “O risco a curto prazo pende para o lado de baixo. A incerteza paira no ar.

imf.PNG

Alemanha: “longo e sinuoso caminho pela frente”

O governo alemão disse na quarta-feira que revisou para baixo a projeção de crescimento do país — de 4,4% para 3% — porque a nova suspensão das atividades freou a retomada pós-pandemia. Se a Alemanha, que é a maior economia da UE, está revisando para baixo suas projeções, nem precisamos falar dos outros membros do bloco.

Até agora, a Alemanha fez melhor que seus pares, em parte por causa do enorme conjunto de medidas de apoio tomadas pelo governo. De qualquer forma, há preocupações de que variantes novas e mais contagiosas do coronavírus possam provocar uma nova disparada de casos. As autoridades de saúde já se manifestaram contra encerrar o isolamento cedo demais. “A economia alemã tem um longo e sinuoso caminho pela frente antes de voltar a crescer”, disse um economista da DIW.

O que pensam as autoridades europeias?

Para não sermos prolixos, vamos encerrar com breves citações de autoridades e economistas de alguns países europeus.

Bruno Le Maire, ministro das finanças da França: “temos que dividir o ano de 2021 em duas partes. Temos tudo que é necessário para uma retomada muito forte e muito veloz assim que a pandemia acabar”.

Klaas Knot, governador do banco central da Holanda: “existe otimismo, mas, é claro, não vamos poder deixar de lado o legado da pandemia do coronavírus. O resultado vai ficar abaixo do potencial por algum tempo.”

Professor de estatística econômica italiano: “não sabemos o quão estável será a situação política no futuro próximo, nem em que pé estarão as empresas quando a pandemia tiver acabado”. Os economistas dizem que prever o desempenho da economia da Itália a curto e médio prazo é pura adivinhação. De fato, a crise política na Itália aumentou os riscos de uma ressaca na economia. 

Christine Lagarde, presidente do BCE, disse que a retomada econômica da UE foi “adiada, não perdida”. 

 

Semelhante

Popular

Poderá o CPI britânico surpreender?

O Escritório Nacional de Estatística do Reino Unido vai publicar a inflação no consumidor (índice CPI) na quarta-feira, 18 de maio, às 09:00 (MT).

Escolha seu sistema de pagamento

Seja a estrela de seu jogo

Ligue de volta

Por favor, preencha o formulário abaixo para que possamos contactá-lo

Escolha o melhor horário para telefonarmos. Podemos fazer chamadas de segunda-feira a sexta-feira nos horários sugeridos. Se não conseguirmos contacto, tentaremos de novo no mesmo horário, no dia seguinte. Para assistência em tempo real, utilize o chat da FBS.

Oferecemos retorno de chamadas apenas em inglês. Se prefere outros idiomas, contacte a equipa de suporte.

Faremos contacto no intervalo de horário escolhido

Alterar número

Seu pedido foi aceito

Faremos contacto no intervalo de horário escolhido

O próximo pedido de contato para este número de telefone estará disponível em 00:30:00

Se tiver um problema urgente, por favor, contacte-nos via
Chat ao vivo

Erro interno. Por favor, tente novamente mais tarde